o que é brand persona

Brand Persona: entenda o que é e veja como criar a sua

Não é segredo nem novidade para ninguém que a comunicação é fundamental para a sobrevivência dos negócios. É preciso mostrar a cara e se colocar à disposição do cliente quando nem ele sabe que precisa dos seus serviços. Mas nem toda comunicação é eficaz. Só falar já não basta mais. 

Os consumidores procuram por marcas que os entendam e compartilhem das suas questões. Para isso, é preciso não só conhecer os clientes como também estruturar a sua marca. Criar uma Brand Persona é indispensável para uma comunicação efetiva e que gera resultados.

Neste artigo, vamos explicar o que é Brand Persona, como criar uma e ainda mostrar alguns exemplos. 

O que é Brand Persona?

“Se a sua marca fosse uma pessoa, como ela seria?”. Essa é a pergunta que a Brand Persona responde. 

A Brand Persona nada mais é do que a personificação da sua marca. Esse “personagem” criado terá sua própria linguagem, tom de voz, jeito de se expressar, hobbies e até preocupações. Toda a personalidade dele será baseada na história, nos valores e na missão da sua empresa. 

Por que criar uma Brand Persona para a sua marca?

O principal objetivo da Brand Persona é humanizar as marcas. Assim como nossa personalidade determina como nos relacionamos com as pessoas, também acontece com as empresas. Ter um perfil definido melhora muito a comunicação com o público.

Traçar um modo de falar, levantar debates sobre assuntos pertinentes para o seu público e usar memes que fazem sentido para ele, gera aproximação e empatia.

Cada vez mais, os consumidores buscam identificação com as marcas. Eles esperam que seus ideais e posicionamentos sejam defendidos por elas. É por isso, inclusive, que a Brand Persona precisa estar ligada na Buyer Persona

Brand Persona e Buyer Persona: Qual é a diferença?

Assim como a Brand Persona, a Buyer Persona também é a criação de um personagem. Entretanto, diferente da primeira, a Buyer Persona representa o perfil do cliente ideal da sua marca

Definir uma Buyer Persona é muito importante para entender o seu público-alvo. Durante o processo de criação, é possível identificar comportamentos, necessidades, dores e outras características do cliente. Dessa forma, a sua empresa poderá pensar em soluções focadas nele.

Mesmo não sendo a mesma coisa, a Buyer Persona e a Brand Persona não são tão diferentes assim. Afinal, as duas precisam conversar e se relacionar bem. Portanto, devem ter diversas coisas em comum.

A seguir, veja alguns passos importantes na hora de montar a sua Brand Persona.  

Como criar uma Brand Persona: 06 pontos fundamentais

Pilares 

São palavras-chaves que descrevem a sua empresa. Os pilares devem definir, em poucas palavras, o que sua marca é. Elas vão ser o pontapé inicial para criar a Brand Persona. 

Essência

Quando as pessoas pensam na sua marca, elas lembram de que? A essência do seu negócio é aquilo que os clientes sempre associam a você logo de primeira. Um restaurante pode ser definido como romântico. Um parque, como lugar para a família. Uma marca de roupa, como diversão e despojo. Tudo depende de como seu cliente te enxerga

Promessa 

A promessa de marca se refere ao valor agregado ao produto ou serviço oferecido. Esse tópico se trata do que os clientes esperam com a compra. A promessa pode ser uma experiência, um bom atendimento ou simplesmente a ideia de um dia a dia mais fácil. Tente pensar nos motivos que fazem alguém escolher a sua marca e não a do concorrente. O que te torna especial?

Missão

Por que a sua marca existe? A razão de ser do seu negócio deve ser a motivação da sua Brand Persona. Pense em qual é o objetivo da sua empresa e onde você quer chegar.  

Análise interna

Tudo na sua marca deve ser coerente com o seu posicionamento e com a expectativa da sua Buyer Persona. Portanto, é importante fazer autoavaliações frequentemente para mapear se as ações da marca estão de acordo

Escutar o cliente

Como já vimos, a grande função da Brand Persona é estreitar laços com a Buyer Persona. Portanto, é impossível ignorar o público no processo de criação da Brand Persona. É necessário levar em consideração que os seus clientes têm um modo de falar e de se comunicar. Para conectar com eles, a sua marca precisa usar a mesma linguagem

Regras

Por fim, estabeleça algumas regras de relacionamento com o público. Essa parte deve ser feita somente depois de criar a Brand Persona, mas é tão importante quanto as outras para a estratégia funcionar. Essas determinações vão servir como um guia e ajudarão a manter uma comunicação coesa. É importante traçar:

  • Grupo de palavras que a sua Brand Persona pode e não pode usar;
  • Gírias e expressões de região;
  • Formas de argumentação;
  • Referências que ela usa, desde memes a autores.

Algumas marcas são referências em Brand Persona. Além de uma ótima construção, a estratégia é bem executada na prática, durante a interação com o público. Veja alguns exemplos de Brand Persona a seguir.

Exemplos de Brand Persona

Magazine Luiza

Hoje, é impossível falar de Brand Persona e não citar a Magalu. A personagem criada para a Magazine Luiza é um dos maiores cases brasileiros no que se refere a estratégias de marketing com a Brand Persona. 

exemplo de brand persona magalu da magazine luiza. jpg

Toda a comunicação da marca com o público é intermediada pela Magalu. Ela tem seu próprio jeito de falar, gostos, preferências e assuntos favoritos. As ações de marketing da empresa são todas pautadas nessa personalidade.

Um exemplo foi uma ação contra a violência doméstica. O aplicativo da Magazine Luiza ganhou um botão permanente para fazer denúncias. Esse forte posicionamento com atitudes reais fez com que a Magazine Luiza se tornasse uma das marcas mais relevantes no isolamento.

Natura

A Natura seguiu a moda da Magalu e também criou uma personagem para a marca, a Nat. 

exemplo de brand persona nat da natura

A Brand Persona gera muita empatia no público quando se coloca em situações semelhantes as que eles vivem. A Nat, por exemplo, sempre fala sobre ter passado pela transição capilar. Isso é importante porque diversos produtos da Natura são voltados para pessoas que estão passando por este processo.

Netflix

Diferente das marcas anteriores, a Netflix não tem um personagem. Apesar disso, a Brand Persona é muito bem construída. É possível perceber a personalidade da marca na interação com o público e nas ações que realiza independente da sua personificação.

A Netflix tem um jeito de falar muito característico, usa memes que fazem parte do contexto do público e defende causas sociais que os afetam. 


Estruturar a personalidade da marca não só facilita todos os processos de comunicação, como também conquista o público ainda mais. As pessoas gostam de interagir e de se sentir parte do assunto, do meme ou seja lá o que for. Uma Brand Persona bem construída pode ser responsável por melhorar – e muito! – a experiência do usuário.

Aproveite e veja o nosso guia prático de como melhorar a experiência do usuário.

Gostou? Compartilhe: